Nova Lima

7 Jul

Não se assuste com o rótulo de “Gotan Project peruano”, algo que certamente você, leitor, irá se deparar algum dia (o Nova Lima está todo bookado na Europa e Estados Unidos e deve gerar boas críticas por lá).

E ok… É verdade que a banda (afiadíssima) também adapta ritmos folclóricos do seu país, no caso o Peru, à eletrônica de baixos teores. Mas a Cheetah considera reducionismo fazer comparações desse tipo. Portanto, ouça o Nova Lima e tire suas próprias conclusões!

Aqui está um set com cerca de 30 minutos que mostra muito bem a pegada da banda. O set list e os comentários abaixo são dos próprios membros (via La Congona).

1.- “La danza de los Mirlos (novalima remix)” *unreleased. Los Mirlos traditional 70’s cumbia reversion by Bareto, cumbia revival band from lima, remixed by novalima)
2.- “Macaco (novalima remix)” *unreleased – Batata y su Son Palenquero , one of the greatest afro colombian artists, our friend Lucas Silva “Champeta Man” gave us the tracks of this great trad song to remix)
3.- “El abuelo (novalima remix) – Bareto” *unreleased. Made popular by Juaneco y su Combo in the 70’s, another cumbia reversion by Bareto remixed by novalima
4.- “Tumbala” (da lata remix) this is a great afrobeat-brazilian remix by chris frank whom we’ve known since the “afro” sessions in london back in 2004, with additional vocals by da lata’s nina miranda. This track digs out cotito’s “lost verse” from tumbala which somehow didnt make it into the original version in the album
5.- “el niche” sabor y control. Our favorite peruvian salsa dura band, led by bruno majer (who sings mujer ajena in coba coba) and constantino, novalima’s timbales player
6.- “bandolero (kv5 remix)” great remix in a jamaican stylee by marc lee from london based kv5. Previously unreleased
7.- bomba (coba soundsystem) this track was the last track we finished before releasing coba coba, coba soundsystem is a.k.a. novalima dj’s rpp,rm,gs. Bomba plena an electro latin dancefloor groove
8.- “tumbala (oreja remix)” seiji’s house rework for tumbala

Coba Coba, disco mais recente do Nova Lima, ganhou uma versão remixada. Muitas escorregam pro perigoso terreno da músiquinha-eletrôniquinha-gostosinha-housesinha, se é que você entende. Ouça/ baixe o disco inteiro aqui.

Advertisements

3 Responses to “Nova Lima”

  1. Miguel Gonzalez July 9, 2009 at 2:00 pm #

    Paquito, fico feliz por vc ter gostado de Novalima. É bo m ver o Peru fazendo música contemporânea. É bom ouvir falar da cena cultural peruana.

  2. Lucio K July 12, 2009 at 7:18 am #

    Novalima es mejor que la burra pelona! de puta madre!

Trackbacks/Pingbacks

  1. 4 de outubro, Rio, Oi Casa Grande, Perc Pan 2010 « Dancing Cheetah - September 14, 2010

    […] É um dos grupos mais importantes da música afroperuana. Formado em 2001, é o resultado da reunião de quatro jovens músicos cosmopolitas com alguns dos melhores músicos tradicionais da comunidade negra, para criar uma fusão entre as antigas canções dos escravos e os recursos da música moderna. Depois de “Novalima” (2002), “Afro” (2005), melhor disco de fusão “world” nos prêmios Independent Music Awards 2006, chegam para apresentar “Coba Coba” (2008), uma edição Cumbancha onde os ritmos afroperuanos se cruzam com diferentes músicas latinoamericanas, dub reggae, house e eletrônica. […]

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: