Archive | October, 2009

Os Homens Hiena

31 Oct

O fotógrafo sul-africano Pieter Hugo desenvolve um trabalho fortemente calcado na crítica social, incluindo ensaios sobre tuberculosos no Malawi, do genocídio em Ruanda, escravidão no Sudão, favelas no Brasil e comunidades de albinos da África do Sul. Sua séria sobre os “Homens Hiena” (na verdade chamada oficialmente de ” The Hyena & Other Men”) rodou o mundo inteiro, tendo sido exposta inclusive numa Bienal de São Paulo.

Os “Homens Hiena” são na verdade menestréis que usam hienas, babuinos e pítons para entreter os habitantes das cidades por onde passam com o intuito de vender ervas medicinais.

artwork_images_3276240_279494_pieter-hugo

7

hyena_man
pieter-hugo-5
hyena2
pieter-11
Alhaji+Hassan+with+Ajasco,+Ogere-Remo,+Nigeria,+2007
22
the-hyena-men-of-abuja

Kuduro Hochi Fu

31 Oct

Quer ouvir os kuduros mais novos e irados de Luanda e não sabe como? A dica não é procurar por artista X ou selo Y, mas sim pelo diretor de clipes Hochi Fu no You Tube.

Noite e Dia – Tá maluca

Big Nelo feat. Vagabanda – Surra

JD feat. Yuri da Cunha – Vão bater mal

Vagabanda – Do manganza

Supremos feat. Djamila Delves – Tá sair bem

Tribalismo Tropical

28 Oct

tribalismotropicalmixtape_soundgoods

Já falamos no alemão Wolfram Lange, o Wolf, algumas vezes aqui na Cheetah. E ainda vamos falar muito mais, porque o cara, que mora no Rio há anos, é um dos grandes pesquisadores de música periférica na blogosfera.

Viajante dos bons, Wolf esteve recentemente no México e garimpou o que ele vêm chamando de Technocumbia ou Tribalcumbia.

Soundgoods – Tribalismo Tropical Mixtape

01. Danza Azteca
02. La Culebrita
03. DJ Retro – Babaninko
04. Chango
05. El Ballo
06. DJ Retro – Guarachosa
07. El Ritmo De La Petaka Tribal
08. DJ Gato – Topota Madre
09. Danza
10. Damas Gratis – Se Te Ve La Tanga
11. A Ritmo De Los Manos
12. Cumbia Tribal
13. Vamos A Bailar
14. Vive La Fiesta
15. Prehispanik
16. DJ Sobrino – Automation
17. Oaxaqueño

Yuri da Cunha

27 Oct

O amigo da Cheetah Felipe Herz Boclin aka Fils aka Filzinho aka Mestre, acaba de voltar de uma trip à Africa, mais especificamente Moçambique, África do Sul e Angola. Sua primeira dica (ele ainda deve à macaca um dossiê extenso!) é o angolano Yuri da Cunha, um dos mais conhecidos cantores de Luanda e que agora excursiona pela Europa abrindo os shows do italiano (WTF) Eros Ramazzotti.

Já faz um tempinho que o kuduro e a música angolana tem marcado presença em Salvador. No carnaval desse ano, teve até Yuri da Cunha! E, vejam só, até no Altas Horas o Yuri deu as caras!!

Terry Lynn, Johan Hugo e Dr Alban. Sem coca.

26 Oct

terrylynn

A notícia é velha e a Cheetah sabe que você está atrás de novidades. Mas como ignorar o belo videoclipe de Jamaican Girls, petardo mor da parceria entre a jamaicana Terry Lynn e o sueco Johan Hugo, metade do Radioclit (sim, nosso blog é Radioclit obsessive)? Por conta de uma brilhante ação da cervejaria Red Tripe, Lynn e Hugo se juntaram para criar 5 faixas que celebram a influência absurda da música jamaicana ao redor do mundo. Tem sons que puxam referências de Max Romeo, Johnny Osbourne, Steel Pulse e a melhor de todas, que tira da obscuridade a pérola No Coke, do Dr. Alban. Que grave, malandro!

Dr+Alban+dr_alban

Quem não se lembra de No Coke, sonzera desse nigeriano que virou dentista na Suécia, certamente vai se lembrar dessa aqui de baixo. Ícone do rasta-poperô, Dr Alban tem o seu valor!

redstripeitwaswritten1

Baixe o EP It was written aqui

Lake of Stars – Malawi Festival

23 Oct

mw-1015-113026-front

Falando em Radioclit, eles acabaram de tocar com o The Very Best num dos festivais de música mais incríveis do mundo, o Lake of Stars, no Malawi, África.

Tá certo que o line-up não é nota 10, mas a vibe de um encontro com gente do mundo todo na beleza que é o Lago Malawi, deve ser uma experiência fantástica. É aquela coisa. Típico festival para gringo, óbvio, mas rola um belo investimento pós-evento em ações de caridade e ONGs atuantes de vários setores, sem contar que é um importante atrativo turístico para o país.

SunbirdNkopolaLodge-Beachfr

O festival desse ano (na verdade o festival tá mais é pruma festinha de 3 dias a beira de um lago), aconteceu entre os dias 15 e 18 de outubro, e reuniu, além do Radioclit, Ali B, um dos caras do Hot Chip como DJ, The Maccabees, o grande Tayo, e mais uma PENCA de artistas africanos que a Cheetah nunca ouviu falar. Em outras edições, o Lake of Stars já trouxe ao Malawi nomes como Scratch Perverts, Mary Anne Hobbs, Groove Armada e Basement Jaxx.

lake 1

lake 2
lake 3
lake 4

Os + do Radioclit

22 Oct

radioclit

Bem legal a sessão Guest List com o Radioclit, no Pitchfork. Dá pra saber o que os caras gostam de ler, ouvir, jogar, assistir, aonde preferem comprar discos…

Mais legal ainda saber que os caras estão em sintonia com a macaca – isso sem falar que o João Brasil recentemente tocou na festa deles, a Secousse. Saca só a lista com os três artistas recentes que eles mais tem gostado de ouvir. Se você é fã da macaca, sabe muito bem quem é cada um deles.

Omar Souleyman – Jani

Douster – King of Africa

Uproot Andy – El Botellon

%d bloggers like this: