Tag Archives: jazz

Letieres Leite & Orkestra Rumpilezz_Perc Pan 2010

17 Sep

O trabalho do maestro Letieres Leite e de sua Orkestra Rumpilezz é a mais perfeita tradução do espírito do candomblé, da percussão baiana e dos ritmos ancestrais africanos. É uma agremiação gigantesca, formada por nada mais nada menos que 19 músicos. Bom, nada melhor que o próprio Letieres Leite para explicar o som da sua Orkestra Rumpilezz (big band perde).

“A orquestra é formada por 5 músicos de percussão (atabaques, surdos, timbaus, caixa, agogô, pandeiro, caxixi) e 14 músicos de sopro (4 trompetes, 4 trombones, 2 saxes alto, 2 saxes tenor, 1 sax barítono e 1 tuba). As composições são inspiradas desde os toques dos Orixás do culto do Candomblé, como tambem de grandes agremiações percussivas como: Ilê Aiyê, Olodum, Sambas do Recôncavo, dentre outras referências rítmicas”.

Letieres Leite é maestro da Ivete Sangalo, talvez por isso seu (incrível) trabalho pessoal deve ter demorado tanto pra sair.

Baixe o primeiro disco do LL&OR e depois leia os comentários do maestro a respeito de cada uma das faixas:

1- A grande mãe
Esta é a musica de abertura e encerramento dos nossos concertos, executados a partir do toque vassi.
2- Anunciação

Dedicada ao grande mestre da bateria e percussão Antonio Ferreira da Anunciação, um dos pioneiros no encontro da musica da Bahia com o Jazz.
3- Aláfia

Música que celebra a paz, a positividade, os caminhos abertos; principais significados da palavra Aláfia (yorubá), quando num resultado do jogo de búzios (ifá).
4-Floresta Azul

Tema inspirado numa cantiga a Odé (tradição afro-brasileira) em Aguerê, ritmo cadenciado para Oxossi. Na composição as variações de rum deram a rítmica para a maioria das melodias.
5- Taboão

Samba-reggae em homenagem ao grupo Olodum, que o divulgou para todo o mundo.
6-Balendoah

Com adaptação e arranjo de Letieres Leite, a música de Ed Motta, foi traduzida para o “Estilo Rumpilezz”,
7 – Adupé Fáfa
Composta em homenagem ao nosso saudoso músico da Orkestra, Fabrício Scaldaferri.
8- O Samba Nasceu na Bahia
A composição reúne as diversas formas de samba tocados na Bahia: O samba afro (Ilê Ayê), samba duro, kabila (angola), e chula (recôncavo baiano).
9- Temporal
Primeira composição feita para a Orkestra. Baseado no ritmo ilú (toque para Iansã nas cerimônias da nação Keto). A música tem ainda, em uma de suas partes o ritmo Ijexá.


Letieres Leite & Orkestra Rumpilezz tocam no Perc Pan 2010 no seguinte dia:

05/10/2010, Oi Casa Grande (Rio)

Advertisements

Hypnotic Brass Ensemble_Perc Pan 2010

16 Sep

Pra muita gente boa, o Hypnotic Brass Ensemble é A atração do Perc Pan 2010. Hoje mesmo a Cheetah recebeu alguns emails de paulistas desesperados querendo um show dos americanos em sua cidade. Veja o vídeo acima, filmado pelo irmão Bruno Natal, e diga aqui pra Macaca se o bagulho não é… hipnótico.

O Brass Ensemble são (!!!) 8 irmãos de Chicago, filhos do trompetista Phil Cohran (ex membro da Sun Ra Arkestra!), e mais um amigo. A história diz que os caras começaram a carreira tocando na rua mesmo, ganhando um trocado nas cercanias do metrô e dos trens. O nome da banda surgiu num desses dias de trabalho duro. Um cara ficou tanto tempo parado, vendo a banda tocar, que depois de perder dezenas de trens, chegou até a banda e disse: “mermão, o som de vocês me deixou hipnotizado!” Rapidamente, já estavam gravando com Erykah Badu e Maxwell além de tocarem no palco dos principais festivais do mundo.

(Quem lança os discos do Hypnotic é uma das gravadoras preferidas da Cheetah, a londrina Honest Jons. Tudo que eles lançam é sinônimo de qualidade).

Hypnotic Brass Ensemble – War

Hypnotic Brass Ensemble – Water (Fela Kuti)

Hypnotic Brass Ensemble – Sri Nirodi

O Hypnotic Brass Ensemble toca no Perc Pan 2010 nos seguintes dias:

29/09/2010, Teatro Castro Alves (Salvador)
06/10/2010, Canecão (Rio)

Os ingressos estão a venda no ingresso.com e (Rio) na bilheteria do Teatro Oi Casa Grande. Maiores infos no site do Perc Pan.

@EdMotta

12 Oct

ed

A Cheetah viciou nos tweets do grande Ed Motta. Saca só. Só coisa deep!

disco funk israelense

funk turco

jazz polonês

Está dada a dica. Sigam o homem! Deep!

Rapidinhas #2

24 Jun

–Cumbia jazz–

charles mingus

Jazz e Cumbia? Porque não?! Suite de 28 minutos gravada em 1976, Cumbia & jazz fusion, de Charles Mingus, é animal. 

Charles Mingus – Cumbia & jazz fusion


–Chorando se foi

Loalwa Braz, ex-vocalista do Kaoma, estará no Brasil até a segunda metade de julho para gravar um DVD comemorativo aos 20 anos do surgimento da lambada. João Brasil, cadê você??


–O mambo dos Mutantes–

Yo te quiero mi querida
Sin tus besos non soy nada
Baila el mambo
que yo canto a ti

Uma homenagem ao Santana.

Mutantes – Cantor de mambo


–Grupo Chambelán–

fotochambelan550
Quem comprovar que existe grupo de cumbia mais tosco que o Grupo Chambelán, do México, ganha vips para a Dancing Cheetah, em julho, na Casa da Matriz.

Grupo Chambelán – El metrosexual


–Vem com tudo e o reggaetón para as massas–

Ídolo da macaca e leitor deste blog, Hermano Vianna está fazendo um belíssimo trabalho a frente dos textos do Vem com Tudo!, programete dentro do Fantástico que fala de novas tendências de gosto e comportamento no Brasil. No blog do programa, Hermano já citou o ZZK e escrevou post sobre o dancehall. É esse de lá que a Cheetah tirou essa pérola do MC Papo, um fenômeno do YouTube: seu outro hit, Piriguete tem mais de 9 milhões de hits. É o pop-reggaetón para as massas! No Brasil!

%d bloggers like this: